PENSE GLOBAL, AJA LOCAL

Vivemos em tempos de crise ambiental planetária, onde até mesmo os mais céticos começam a concordar que caso não haja uma evolução na forma como o ser humano interage com a Natureza corremos sério risco de sobrevivência.

É interessante perceber que escolher alimentos naturais e puros, que são cultivados rganicamente ou colhidos da Natureza selvagem, não é um hábito saudável apenas para o organismo humano. É também um hábito que equilibra o meio ambiente de todo o planeta, uma vez que incentivamos práticas de cultivo e comercialização sustentáveis, ecológicas e evoluídas.

Leve em consideração que tudo aquilo que é produzido artificialmente normalmente gera resíduos (em forma de dejetos químicos, gases artificiais, embalagens plásticas, dispêndio de energia e outras mais) que intoxicam a saúde global. Especialmente a indústria de alimentos de origem animal (carnes, leite e derivados), que da forma como se configura atualmente gera tamanho desequilíbrio para o planeta (em forma de desmatamentos, emissão de gases e sofrimento dos animais) que uma mera redução em 50% no consumo de alimentos provenientes desta origem seria suficiente para corrigir a maior parte dos problemas ambientais que vivemos nos dias de hoje.

É no mínimo curioso perceber que os mesmos alimentos que desequilibram a saúde do homem também desequilibram a saúde da Terra. A doença da poluição do planeta, como já vimos, está dentro de cada um. É tratando de cada indivíduo que transformaremos a condição do planeta.
Quem escolhe evoluir e harmonizar seus hábitos alimentares com a Sabedoria da Natureza torna-se um exemplo vivo e ativo de que é perfeitamente possível uma convivência benéfica entre humanidade e Natureza. É um ecologista verdadeiro, que trabalha dentro de si a transformação que deseja ver no mundo.

O corpo humano é um pedacinho do planeta. É o seu jardim pessoal, a dádiva que você recebeu da Terra para nela viver e com ela aprender. Cuidar bem de seu corpo é retribuir a generosidade da Mãe Natureza. Quando você reconhece esta generosidade, muito mais ela lhe oferece de suas bênçãos, em forma de prosperidade, saúde, bem estar, equilíbrio e contentamento. A felicidade é um fruto que se colhe no pomar da Natureza.

Alimentar-se de Natureza é um caminho certo para se harmonizar com a beleza, a vitalidade e a alegria de viver que são direitos e herança de todos os seres.
"Beleza e vitalidade são os dons da Natureza para aqueles que vivem de acordo com suas Leis"
- Leonardo DaVinci

Evoluindo hábitos
Saber de tudo isto é um primeiro passo importante, mas normalmente não é suficiente para estimular e/ou sustentar transformações de hábitos. Afinal, quase todos nós crescemos aprendendo a apreciar uma alimentação não-natural e ocasionalmente terminamos por nos viciar em seus muitos compostos que criam dependência bioquímica. Vícios bioquímicos, apegos emocionais ao alimento, falta de disponibilidade dos mesmos e ainda dificuldades de socialização tornam esta mudança de hábitos alimentares algo realmente difícil e trabalhoso. Assim percebe qualquer um que já estudou e trilha este caminho.

Existe, porém, uma solução para tudo isto. Trata-se de uma ciência avançada, que com sabedoria, elegância e muito sabor ajuda a proporcionar uma transição suave, harmônica e duradoura. Trata-se da reunião do conhecimento do que há de melhor nas principais escolas de nutrição e medicina natural da humanidade: a nutrição tradicional, as escolas do oriente (ayurveda, macrobiótica, medicina chinesa) e a alimentação viva.

Esta ciência trabalha com o princípio do Enriquecimento Alimentar, que lhe ensina a adicionar alimentos de alto teor nutritivo para que estes saciem as necessidades do organismo e vão, aos poucos e sem luta, tomando o lugar de alimentos que são menos do que ideais para a ecologia interior. Assim, naturalmente, com o mínimo de esforço, o organismo vai despertando sua sabedoria e passando a gostar daquilo que lhe faz bem.

Esta ciência denomina-se Alimentação Ecológica, e seu objetivo é ser um auxílio da aproximação do homem com sua verdadeira natureza.
É para auxiliar na evolução destes hábitos e para disponibilizar o conhecimento e os recursos alimentícios para nutrir o florescimento da humanidade no máximo de seu potencial que a Terra Dourada existe. Por favor, desfrute dela.

Fonte: Terra Dourada - Escola de Alimentação Ecológica

© 2017   Criado por Fatima dos Anjos.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço