Existem pontos especiais de recolhimento e emissão de Ki, sendo destacados os cinco mais importantes.

Dois estão nos pés, um em cada planta, e são chamados de Pontos Yongguan (R1), ou Fontes Borbulhantes. Outros dois se localizam no centro das mãos, um em cada palma, e são chamados de Pontos Laogong (PC8), ou Palácios do Trabalho (o centro da palma da mão é Yin enquanto a ponta dos dedos são Yange o quinto é no topo da cabeça e é chamado de PontoBaihui (VG20), ou Centenas de Convergências ou, ainda, Cinco Encontro dos Três Yang. Estes pontos podem ser utilizados como pontos iniciais ou finais de outros caminhos por onde o Ki pode percorrer o corpo.

Pode-se praticar em pé ou deitado.
  1. Caminho dos pés ao Tanden: Quando inalar, guiar o Ki dos pés (ponto Yongguan) até o Tanden e quando exalar, guiar o Ki do Tanden aos pés. Naturalmente quando inalar o abdômen se expande e o ponto Huiyin é relaxado e quando exalar o abdômen se contrai enquanto o ponto Huiyin é suavemente contraído. Este método de respiração regula os níveis de Ki nos três órgãos Yin: fígado, rim e baço;
  2. Caminho das mãos ao Tanden: Esta etapa é adicionada à anterior. Quando inalar, guiar o Ki das mãos (pontoLaogong) e dos pés (ponto Yongguan) até o Tanden e quando exalar, guiar o Ki pelo caminho contrário. Observar as contrações e expanções do abdômen e do ponto Huiyin. A respiração pelas mãos é utilizada para regular o coração e os pulmões;
  3. Respiração pelo Baihui: Quando inalar, guiar o Ki das mãos (ponto Laogong) e dos pés (ponto Yongguan) até oTanden, enquanto inala pelo ponto Baihui. Quando exalar, guiar o Ki pelo caminho contrário, Tanden pelos quatro pontos e do ponto Baihui para fora. (para cima).
Como último estágio, além de se respirar pelo Baihui, guia-se o Ki, inspirado até o Tanden pelos quatro pontos, através da coluna vertebral, também, até o ponto Baihui. Desta forma nutre e energiza-se o cérebro com o Ki. De acordo com Jwing-Ming Yang1, quando isso acontece o Shen aumenta e o poder físico pode ser manifestado com a sua máxima eficiência. 

O ponto Baihui pode ser relacionado com o chacra Sahasrara, na Yoga, sendo o sétimo e o mais importante dos chacras, situa-se no alto da cabeça e refere-se com o padrão energético global da pessoa. A estimulação deste chacra tem o princípio de dinamizar a capacidade espiritual e a consciência superior do ser humano. Conhecido como o chacra da coroa, através dele recebe-se a luz divina. Revitaliza o cérebro fornecendo uma percepção além do tempo e do espaço. Abre a consciência para o infinito. 

A respiração pelo ponto Baihui é também relacionada com a Respiração do Tanden Superior, e significa, neste caso, respirar através do terceiro olho (Ajna: O sexto chacra situa-se no ponto entre as sobrancelhas. Conhecido como terceiro olho na tradição hinduísta, está ligado à capacidade intuitiva e à percepção sutil). Este tipo de respiração é crucial para o crescimento da vitalidade espiritual, além de aumentar a eficiência da respiração pelas mãos e pés. 
 
1Jwing-Ming Yang: (1946 - ) mestre de Tai Chi Chuan e Kung Fu.

Exibições: 1471

© 2017   Criado por Fatima dos Anjos.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço