O AMOR QUE UNE MANIFESTADO NA FORMA FÍSICA


Mensagem de Mestre Hilárion Canalizado por Laura Vendas
02 de janeiro de 2017

Amados, vocês já sabem que o amor é a máxima expressão do sentimento humano. Ele se auto realiza de muitas maneiras, abrangendo todas as formas de relações, quer seja filial , fraternal, de amizade ou o amor romântico, que une os casais, garantindo assim a realização plena do amor manifestado fisicamente.

 

Esse amor, sublime por sua própria natureza, é também o mais fragilizado, porque o ser humano ainda não aprendeu a amar incondicionalmente quando se trata do amor de casal. Ainda são poucos os exemplos de casais que conseguiram superar os obstáculos para vivenciar uma história de amor feliz e duradoura.

 

Isso porque esse amor vem recheado de expectativas, carências e equívocos. Ele também muitas vezes se confunde com outros sentimentos e tudo isso faz com que se torne frágil e fonte de muitos sofrimentos.

 

Por isso é necessário a todo ser humano aprender a desmistificar o amor romântico, transmutando-o em energia de amor incondicional, curando em si mesmo todos os aspectos doentios, libertando-se das expectativas nocivas aos relacionamentos e aprendendo, antes, amar e aceitar a si mesmo, para poder vivenciar com liberdade uma linda história de amor.

 

Não é tarefa fácil, pois os humanos aprenderam a amar de forma condicionada e recheiam suas relações com ciúmes, desconfianças, inveja, baixa auto estima, infantilidades e toda sorte de cargas energéticas negativas que trazem para suas relações afetivas.

 

Há também um desejo imenso consciente ou inconsciente de se realizar nas relações a partir de um modelo pré-concebido de satisfação amorosa, onde nem sempre o outro consegue satisfazer as expectativas da pessoa amada. Isso é fonte de conflitos e fim de muitos relacionamentos.

 

O parceiro ou a parceira jogam para o outro a responsabilidade de fazê-lo feliz. E assim começam as cobranças, as brigas e a frustração crescente que leva os casais a viver uma relação doentia, muito longe da felicidade que esperavam sentir quando se apaixonaram.

 

Vejam meus amados, o quanto relações desse tipo são nocivas para o ser humano. O quanto vocês se submetem a viver em relacionamentos que se baseiam mais em jogos de culpa e medo, de carências e negatividade.

 

Façam um exame de consciência e sejam verdadeiros consigo mesmos. Observem como estão amando e sendo amados e perguntem-se se o que sentem é realmente amor ou as manifestações da ausência dele.

 

O verdadeiro amor de almas não pode jamais se manifestar onde há sintomas de falta, de abandono, rejeição, carência e sofrimento. Isso vale para o amor sublimado tanto quanto para o amor físico.

 

Queridos, nesse início de novo ciclo, é preciso repensar suas relações, curando-se e libertando-se, deixando ir verdadeiramente as ligações energéticas que os afastam da luz, tornando-os tristes e rancorosos em seus relacionamentos.

 

Não há nada mais pernicioso para o espírito do que viver em relações infelizes e longe da imparcialidade que o amor incondicional proporciona. Mas, para viver na plenitude do amor romântico é necessário antes, aprender a amar e ser amado.

 

Vocês tem um potencial incrível de amor, por isso nós pedimos: não dispersem suas energias em relações desgastantes e baseada em energias nocivas à sua saúde emocional. Libertem-se desta prisão feita de mágoas, tristezas, decepções e frustrações.

 

Construa, desde já, relacionamentos felizes, transmutando dentro de si tudo o que o afasta de seu verdadeiro desejo: amar e ser amado em sua essência, sem regras e cobranças que os afastam de si mesmos, dando ao outro o poder de faze-lo feliz ou infeliz.

Você, querido, é o responsável pela sua felicidade amorosa.

 

Aprenda a amar-se e verá seus relacionamentos frutificando em todas as áreas da sua vida. Cure-se e cure o seu coração e aí sim, você estará pronto para manifestar o amor pleno em sua vida.

 

Eu Sou Hilárion e amo vocês.

                Laura Vendas
Fonte: https://www.facebook.com/laura.vendas

Exibições: 17

© 2017   Criado por Fatima dos Anjos.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço