Quando estamos lá em cima, entre vidas, antes de encarnar, nós recebemos Amor Incondicional. É o amor que não impõe condições, ele só ama. É o amor do Céu.

 

É o amor da Alma.

Quando descemos para esta vida, quando nascemos desta vez, queremos continuar a receber esse Amor Incondicional, porque é a nossa referência, é o que conhecemos. E também porque, tendo acabado de chegar, o bebé ainda está a vibrar pela Alma.

 

O amor cá em baixo, na matéria, é condicionado, é dual. As pessoas amam-nos, se... A mãe ama-nos se nos portarmos bem, se tivermos boas notas, se não formos malcriados.

 

E nós, recém-chegados, habituados ao amor que não tem "ses", que não condiciona, começamos a sentir a dor. Começamos a sentir a rejeição. E tentamos desesperadamente fugir dessa dor porque não conseguimos compreender porque é que as coisas têm que ser assim. E chamamos o ego. O que aguenta tudo. O que nos protege da dor, da rejeição e do abandono. E as defesas começam a surgir. E a Alma começa a minguar.

 

Mas a verdade é que, apesar de tudo, temos uma grande memória cósmica e nunca nos esquecemos que um dia vibrámos pelo Amor Incondicional. Nunca nos esquecemos de o procurar.

 

Nos meus cursos e nas consultas que damos no Projeto, há imensas pessoas que quando começam a meditar referem que sentiam muitas saudades da energia do Céu. Ninguém esquece.

 

A coisa mais próxima do Amor Incondicional que recebemos lá em cima, no Céu, é o que sentimos quando ajudamos alguém. É incrível a sensação de bem-estar, a sensação de ser útil, de ser relevante, de ser especial na vida do outro. É uma sensação tão alta, tão elevada que passamos a achar que essa é a nossa Missão na Terra.

 

E a partir daí, o que é que nós fazemos? Paramos tudo, paramos todo o nosso projeto pessoal evolutivo, paramos toda a nossa busca da Luz, a manutenção da nossa energia original, para ir ajudar os outros, porque achamos que essa é a nossa Missão. Na realidade, inconscientemente estamos só à procura do Amor Incondicional. Nós ainda estamos no estágio em que precisamos do amor de fora. Nós não conseguimos ainda sentir esse Amor Incondicional dentro de nós.

 

Acabamos por tentar ir buscar fora de nós o que viemos a esta vida conquistar dentro. O Amor Incondicional interior. - "Eu amo-me sem condições. Incondicionalmente."

 

Como diz Jesus:

 

- Em vez de ficares à espera que alguém te ame cá em baixo, amplia o teu universo, age consoante o que acreditas que és, e escolhe consoante escolheria a mais alta Alexandra que poderás vir a ser um dia. Tudo isso vai fazendo com que a tua energia se eleve e o teu amor por ti própria aumente.

 

Só vais conseguir amar-te quando conseguires finalmente transformar-te para poderes ser quem realmente és. Quando conseguires conquistar a liberdade. A verdadeira liberdade que é a de poderes ser quem és. E quando conseguires finalmente seres quem és, a energia que vais emanar será tão forte, que ela vai inspirar outras pessoas, ela vai dizer às outras pessoas que esta transformação é possível. Que é possível transformar um ser que vem pedir amor ao mundo num ser que vem doar amor ao mundo.

 

E a energia desta transformação é tão forte, a energia que emanas quando doas amor é tão forte... mas para isso terás que conseguir finalmente agir em Luz. Terás que conseguir Ser Alma em vez de Ser Ego. E isso é tão improvável que vais inspirar as outras pessoas.

 

E aí terás encontrado a tua Missão. Inspirar os outros a transformarem-se, a conseguirem amar-se para poder doar amor em vez de vir receber amor, que é o primeiro estágio da criação.

 

Nunca te esqueças: Um ser quando encontra a sua própria Luz, todo ele... brilha.

 

in "Conexão - O que Jesus me ensinou"

 

de

image

Por Alexandra Solnado

Exibições: 440

Respostas a este tópico

E nós, recém-chegados, habituados ao amor que não tem "ses", que não condiciona, começamos a sentir a dor. Começamos a sentir a rejeição. E tentamos desesperadamente fugir dessa dor porque não conseguimos compreender porque é que as coisas têm que ser assim. E chamamos o ego. O que aguenta tudo. O que nos protege da dor, da rejeição e do abandono. E as defesas começam a surgir. E a Alma começa a minguar.

Que é possível transformar um ser que vem pedir amor ao mundo num ser que vem doar amor ao mundo.

Gratidão por todas estas mensagens de luz 

RSS

© 2017   Criado por Fatima dos Anjos.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço