QUINTA AULA


Nós somos perfeitos, mas estamos no processo de descobrir. Perceber as coisas é o que a vida quer que façamos.O propósito da vida é o discernimento. O maior crime que podemos fazer é ir contra o universo, contra a vida, pois só ela sabe o que precisamos. Mas ficamos lutando contra ela, porém ela sempre vence, é inútil e sofrido ficar lutando.Estamos a toda hora fazendo isso de ir contra a natureza. Não queremos ver as coisas e por isso a vida as aumenta. Em nós, boa parte é controlada pelo espiritual e outra parte temos o livre arbítrio, como: falar, comer, andar, controlar o esfíncter, etc. Por exemplo, seu intestino dá o sinal de querer esvaziar, mas você é que controla, só se você ficar prorrogando por muito tempo essa necessidade, aí ele fará aquilo já dito atrás, aumenta a dor para que você vá. Tudo que aparece aumentado em sua frente é porque você está se recusando a ver. O espírito manda sinais.

Geralmente dolorosos. Se manda a dor, é um aviso. E não é agradável, mas isso tem que acontecer, para você se cuidar. Porque senão a gente correria até o risco de morrer de repente, já que não teríamos a dor para nos avisar de que algo não estava bem e para que tomássemos as medidas necessárias.

Então, coisas nem sempre agradáveis que nos acontecem sempre são um aviso: “preste atenção...” “olhe”. Se ignoramos esses avisos, iremos pagar por isso com mais dor ainda, podemos chegar a situações irreversíveis. Estamos vendo isso constantemente. Como funciona o nosso sistema de sinais?

Primeiro ele dá um toque suave e se você não percebe isso vai aumentando ao limite do insuportável. Exemplo novamente seu intestino, ele dá um toque e vai aumentando, e se você não atende chega uma hora que será impossível controla-lo mais.

Assim é a vida. Chega num ponto que você é obrigado a fazer o que tem que ser feito. E por que já não fazer com atenção e inteligência, evitando o sofrimento? Os sinais que recebemos não estão somente dentro de nós. Também estão fora de nós. Nossa mente não está dentro de nossa cabeça. Ela está fora também, está num todo, o mundo externo faz parte da gente. A atmosfera faz parte da gente. Mesmo que você não queira, você faz parte da atmosfera. A mesma coisa a mente coletiva. O que nos liga à atmosfera é nosso aparelho respiratório e o que nos liga à mente coletiva é nosso aparelho mental. Como provar que estamos mergulhados numa mente coletiva? Simples, pare um pouco e deixe sua mente divagar, vem muita coisa louca que dá para sentir que não é coisa sua. Não é imaginação. Imaginação você faz. Quando é de fora, aquilo vem, vem,vem. Vem o pensamento e vem o sentimento também.

Quanta coisa que a pessoa está sofrendo e não é dele? Quantas vezes você fica sofrendo por uma semana e de repente some? Porque não era seu. A telepatia é muito mais comum do que a gente quer acreditar. Como o ambiente é nós, ele também envia sinais pelo ambiente. A natureza dialoga conosco. Por que certas coisas insistem e ficam voltando na vida da pessoa?

Porque ela tem que resolver. Você tem um projeto, tem certas metas e não vai por que? Porque tem atitudes que fecham seus caminhos, pois você está iludido, não está no real. E a vida vai lhe mostrar. Você tem metas que vão lhe trazer dinheiro, trabalha por isso, mas lá dentro você acredita que ser pobre é lindo, só pobre vai para o reino de Deus, e o que acontece?

Você fica no limbo, na maior pobreza, até mudar suas crenças e atitudes. Pois a vida vai com você, no que você acredita. Você pede as coisas, a vida manda. E se você não tem condições, ela vai lhe mostrar o que está errado para que você tome uma atitude positiva rumo ao sucesso real. Como se tira a pessoa da ilusão, como a vida vai fazer isso? Exagerando o problema para você ver. TUDO, mas tudo mesmo que você não quer ver, ela exagera. E se não ver logo, ela vai exagerar e vai doer muito quando ultrapassar o limite. Mas ela não para enquanto você não se decidir a fazer o que tem que ser feito. Toda dor quer mostrar. Quer ser próspero, mas cultua a pobreza. E a vida deixa você lá embaixo até você não agüentar mais. Se você percebe, já começa a aliviar, se então muda o comportamento, muda as atitudes que o levam contra os seus objetivos, aí sim cessa o sofrimento. Se você não tiver objetivos não existe sofrimento, mas daí que vida é essa sem metas? Estamos aqui todos para nos desenvolvermos, e se o fizermos pela inteligência mais rápido e sem dor iremos.

Para isso algo muito IMPORTANTE É ESTAR SEMPRE ATENTOS.

Atenção é fundamental. Nunca se esqueça disso, prestar atenção nos SINAIS, eles estão sempre aí para nos guiar. Quantas vezes lá para frente observamos que no passado houve algo que veio para nós e deixamos passar. E mais tarde lamentamos por isso. Então porque hoje não usar todas nossas capacidades e seguir aquilo que a vida nos mostra? Ela faz isso o dia inteiro! E, infelizmente, a maior parte do tempo nós vamos contra a vida todos os dias. Que tal acordar agora que você já tem conhecimento disso?Deus ajuda, você pergunta? Não adianta rezar pedindo se você não toma a atitude correta, pois ele não vai ajudar, ela vai com você, se você não vai, pode esperar sentado porque ele não vai empurrar. Enquanto você não tomar a ação de fazer o que precisa ser feito você não vai.

E o que são os sinais, você pergunta? Tudo aquilo que mexe com você de alguma forma, pode ser positiva ou negativa. Tudo o que irrita, tudo que lhe amola, é um sinal. Porque algo está dizendo:

“olha”, “preste atenção”... Porque você está fazendo a mesma coisa, aquilo que tanto o irrita e algo que você TAMBÉM faz, só que não se deu conta disso.Por exemplo, gente mole, e você é aquele que faz tudo rapidinho. E o mole irrita você que dá vontade de empurrar, até de bater. O que será? Será que você é sempre rapidinho em tudo ou será que tem coisa que você enrola, será que tem coisa em que você não rende?Você é mais rápido em TUDO que você faz? TUDO? Ou tem algo lhe segurando? Precisa ver. Ou então você paga o preço de não ir, não deslanchar. Se está chamando muito a sua atenção é porque tem a ver com você, chamou muito a atenção, dá ódio, dá raiva, é ponto fraco que tem que trabalhar, resolver.

Pode ver que tem, com toda certeza, fique esperto e procure e resolver. Quando resolve aquilo some de sua vida, para de irritar, já não fica aparecendo tantos molengas na sua vida.Enquanto você não acordar para essa realidade e continuar a fazer aquilo sem perceber, aquilo vai ficar aparecendo na sua vida cada vez mais irritante, cada vez mais exagerado e vai ficar impedindo-o de chegar onde quer. A vida quer ajudá-lo e ela vai ficar exagerando essas coisas só para você ver. E por que ódio? Porque o ódio tem função, é uma força de domínio, com ele, bem usado, você vai, você decide. Ele é mal usado quando, sem se disciplinar, é usado para violência. A violência é o lado ruim da agressividade. Se a natureza não eliminou o ódio, a raiva, é porque tem função. Tudo que tem função permanece na natureza. E tudo temos que saber usar, usar dentro do equilíbrio e disciplina. A agressividade não pode ser suprimida, sem ela você fica sem ação, sem ela você não tem o impulso de ir, fica bobão. Ela faz você ver aquilo e tomar as medidas para resolver. A não ser que você desista de seus objetivos. Se você continuar com sua meta, a vida vai continuar nas lições e você tem que ver e tomar as medidas.

Quanto mais sofrida, mais teimosa é a pessoa. E não adianta falar, ela sofre, não adianta, ela que tem que acordar por si. E não vai ser a dor que vai acordá-la. A pessoa se acostuma com a dor. É o CANSAÇO da dor que fará com que ela tome as providências que precisa. Ela tem a eternidade para decidir e a vida não vai desistir porque ela sempre vence. Então quanto antes resolver, melhor, você viverá com muito mais qualidade. Quanto mais quer ainda sofrer para ver que está no mapa errado, seu caminho é outro? Para a gente antecipar esse bem viver, essa felicidade é preciso viver pela inteligência, é o conhecimento para se libertar. Se está fazendo e não está dando certo é porque é o mapa errado, então porque continuar fazendo? Olhe, PRESTE ATENÇÃO NOS SINAIS DA VIDA. Eles estão aí o tempo todo, todos os dias, todas as horas, todos os instantes, se ligue, acorde!!! E isso é feito pela atenção.

O QUE ESTÁ IRRITANDO VOCÊ AGORA?

Veja, o que ele fez para você? Foi uma coisinha, mas o irritou TANTO. Por que será? SERÁ que você não faz a mesma coisa? Observe. Às vezes, a vida nos usa também para que falemos alguma coisa para alguém. A gente fala alguma coisa e nem sabe porque falou. Nesse caso você foi um instrumento da vida. E isso é mais comum do que você pode imaginar. Quando eu entro na minha modéstia e assumo que tenho aquilo (por exemplo sou normalmente rapidinho, mas tem coisa que sou mole) e toma as providências NUNC A mais aquilo volta.

Por exemplo: você se critica muito, o tempo todo. A auto crítica é o que mais destrói a gente, coloca nossa auto-estima lá embaixo, em TUDO, vida afetiva, profissional, financeira, social, etc. É VENENO puro. E vem das pessoas para você aquelas críticas mais injustas, que mais lhe ferem e isso para lhe mostrar o quanto você é crítico com você. E elas vem de todos os lados. Quando você desperta para isso e começa a se considerar, começa a vir a consideração do mundo.

Até agora falamos do lado ruim, dos pontos fracos. Vamos agora falar das qualidades. E quando você tem qualidades que você não vê em você, o que acontece?Você vê essas qualidades EXAGERADAS em outra pessoa. Isso é a PAIXÃO. Isso é doença, é o caso de se idolatrar alguém. Paixão não tem nada a ver com amor, ela acontece quando a gente vê em uma pessoa qualidades que negamos em nós. Aí aquilo aumenta, vira loucura, obsessão. A partir do momento que você enxerga isso acaba a paixão. Quantas vezes já lhe aconteceu aquele loucura, aquele frenesi que você já sentiu por alguém no passado que hoje você se lembra e se acha que era um louco na época? “Como eu pude sentir tudo isso por aquela pessoa, ele não era nada disso, ele não tinha nada para ser exaltada daquela maneira”, você diz agora.

E tem gente que não aprende e está sempre se apaixonando e sofrendo, sofrendo e se apaixonando. E sempre sofre muito pois na paixão não tem nada de bom. E vai ficar nessa até cair na real, até agir na modéstia, na modéstia de ser si mesmo, aceitando também suas qualidades. A sensualidade não está só relacionada ao sexo, é uma coisa que brilha, que todo mundo olha. A paixão nos mostra que nós estamos negando qualidades em nós, e geralmente a sensualidade, o charme. A pessoa fica sem brilho. A natureza SEMPRE trabalha pelo melhor, ela exige o melhor, você vendo as coisas, observe, você gosta, você prefere sempre o melhor. É da natureza. O gosto vem lá de dentro, você não escolhe e por isso não adianta lutar contra que isso só mais o afastará das coisas boas e o fará sofrer. Toda vez que você se deslumbra é que mexe com você, tanto no negativo como no positivo, está falando com você. E a vida vai continuar assim. Pode fugir do jeito que você quiser, ela VAI ATRÁS de você. Não adianta chorar e reclamar. A vida não sabe o que é fracasso, ela ganha essa parada com você, não importa quantas vidas você vá ter.

Por isso, não adianta ter pena de ninguém. Quando você entende isso para de ter dó das pessoas, porque compreende que ela está vivendo o seu aprendizado e que não tem como interferir. A lição de cada um é de cada um . Para viver com boa qualidade vai depender de saber usar sua inteligência. Usou a inteligência a dor desaparece, dependendo desse uso você não terá que passar pelo que está passando e que não é agradável. A vida cuida de todo mundo.

Pergunta: Como é que se faz para se comunicar com desencarnados?

Resposta:
É uma questão de percepção, a primeira coisa precisamos estar abertos. A interferência do mundo astral acontece constantemente porque estamos no astral. A sensação de presença de desencarnado é a mesma do encarnado pois o que sentimos é a energia.É o sexto sentido que percebe. Simpatia, antipatia, etc., é percepção do sexto sentido. Muitas das informações que temos vem do sexto sentido. Às vezes a pessoa mostra-se muito alegre, porém percebemos que ela está mal. Os espíritos desencarnados a gente sente e até escuta. A capacidade mais mediúnica ocorre em pessoas que tem esse sexto sentido mais amplo.

Toda vez que a gente não aceita bem a realidade a gente tende a querer sair. Ou dorme muito, ou desmaia, por exemplo, tudo isso é fuga. Para atrair espíritos de luz tem que estar numa boa auto-estima, e eles vem espontaneamente, nem precisa chamar, as pessoas na sua vida, as que são as melhores, também vem para você. Às vezes fazemos coisas espetaculares, sentimos uma inspiração e as fazemos. Isso é um fenômeno que acontece com espíritos que estão conosco. Para ter um bom contato com os espíritos tem que estar bem em nosso espírito. A sensação de que sabe tudo é o seu espírito. Dentro da gente existe aquela força. O espírito vai sentir que puxa para dentro de você e sinta e fique ali. E aí você entra em contato com a espiritualidade de luz. Precisa dela.

Exibições: 30

© 2018   Criado por Fatima dos Anjos.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço