DEPOIS DA MUTILADOS POR CAÇADORES FURTIVOS, RINOCERONTES TÊM NOVA OPORTUNIDADE

hope

Em média são mortos três rinocerontes por dia na África do Sul. O número só por si já assusta, mas torna-se avassalador quando os dados indicam que nos últimos nove anos, mais de seis mil animais desta espécie morreram às mãos de caçadores furtivos.

Empenhada em mudar estes números, a organização não governamental Saving the Survivors está a desenvolver um trabalho notável de recuperação de rinocerontes. Aqui, animais que foram vítimas de ataques e mutilações brutais, encontram um porto seguro para uma nova oportunidade.

Um dos casos de sucesso desta ONG dá pelo nome de Hope (esperança), protagonista do vídeo partilhado no mundo virtual pela associação.  Vítima de caçadores furtivos, esta rinoceronte escapou com vida à caça furtiva, mas viu o seu chifre ser-lhe violentamente retirado.

O chifre destes animais continua a alcançar valores elevados no mercado negro, sendo procurado por se acreditar – erradamente- que possui propriedades curativas e afrodisíacas. Com a decisão recente das autoridades sul africanas de revogar a proibição do comércio doméstico de chifre de rinoceronte, estes animais voltam a ser presas fáceis da caça furtiva.

A dar a cara por este projecto de defesa dos rinocerontes está Johan Marais, veterinário e orientador da Saving the Survivors. Criada em 2012, a ONG deste veterinário já foi responsável pela recuperação e devolução ao habitat natural de 203 rinocerontes.

Foto: Saving the Survivors

https://greensavers.sapo.pt/2017/09/depois-da-mutilados-por-cacador...


Exibições: 113

Respostas a este tópico

Lamentável!

Que barbaridade e o país atrasado como sempre quer revogar a proibição da caça desses animal.Tinham que prender quem fizesse isso sem fiança. para sempre.Ainda bem que sempre aparece gente do bem que cuida desses animais.Obrigada pela informação.

que escultura e imagem linda.obrigada.

Conceicão Valadares disse:

RSS

© 2017   Criado por Fatima dos Anjos.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço