Um pouco de Luz sobre Karma e Renascimento ...


Saudações de Amor e Luz !

Trouxe esse txt para o meu blog por afinidade mesmo... Acho q posso dizer que me considero “quase budista” – q nem as pessoas que não comem carne vermelha se dizem “quase vegetarianas”... Sabem como é , algo do tipo ser solidário a causa, mas não chegar a fazer dela um dos ícones de identificação de quem somos.

Confesso que a questão da Lei do Karma sempre me incomodou, e ela é tão evidente em tantas doutrinas espiritualistas que respeito tanto que chegava a me deixar “sem jeito” em determinadas conversas ... Ao contrário do que muitos apregoam, nunca vi muita lógica nela... Esse enaltecimento do sofrimento e da vingança como instrumento divino me parecia nos distanciar da concepção crística de amor incondicional e perdão. Fora a idéia de que a “vitíma” sempre está pagando por ter sido o malfeitor em outros tempos, e nessa cadeia, a “vítima” de outrora se torna o malfeitor de hoje ... E que Deus é esse (brabo...) ? Me parecia mais uma idéia de controle do livre-arbítrio pelo medo, ou do aprisionamento das almas, bloqueando a evolução coletiva. Finalmente compreendi, depois de muitas leituras e “insights”, que, em síntese, realmente foi instrumento limitante (e ao mesmo tempo estimulante) de evolução, mas devidamente articulado para que pudessemos interagir bastante antes de prosseguirmos coletivamente (resumi demais ? espero que não...). Daí li esse txt e adorei a definição de Karma :

“Karma é uma palavra em Sânscrito, (Kamma em Pali), que quer dizer ação baseada na intenção e essa intenção inclui volição, escolha e decisão, o ímpeto mental que conduz à ação. “

Ufa ! Que alívio ! Ou seja, Karma tem muito mais a ver com livre-arbítrio do que destino selado, condenação – daí faz sentido ! Na verdade, a chave de libertação sempre esteve ao alcance de todos – ou seja, sair da roda (da Matrix) sempre foi uma opção - vide os exemplos dos Grandes Mestres : repararam que todos eles sempre trabalharam por Amor e não por “obrigação”, dívida ou “investimento”?

Nossa Vida, nossas realizações tem a ver com nossas escolhas ! Então, para aqueles que insistem em buscar razões no passado para alimentar seus medos e limitações no presente (comprometendo seu futuro), infringindo pesadas cargas passionais em seu viver, ao (re)viver emoções e sentimentos antigos, que tal se libertar do conceito (desvirtuado) da Roda de Samsara e avançar na Espiral rumo a fonte, carregando os diversos círculos de aprendizado ... ?

Descortine os véus do ser Ser de Luz e deixe-o brilhar !

Namastê !

Alessandra Sanan

O Budismo e a Reencarnação
por Michael Beisert

1. O Budismo acredita na reencarnação?

O Budismo não ensina a reencarnação, o Budismo acredita no renascimento.

2. Qual é a diferença entre reencarnação e renascimento?

A reencarnação é a idéia da existência de um espírito separado do corpo; com a morte do corpo esse mesmo espírito reassume uma outra forma material e segue evoluindo. O renascimento na concepção Budista não é a transmigração de um espírito, de uma identidade substancial, mas a continuidade de um processo, um fluxo do devir, no qual vidas sucessivas estão conectadas umas às outras através de causas e condições. Esse processo ou fluxo não ocorre apenas com a morte mas está presente constantemente nas nossas vidas. Nós estamos em constante mudança, com cada momento nas nossas vidas surgindo na dependência do momento anterior, que deixou de existir. É um pouco parecido com a correnteza de um rio, a correnteza fluindo continuamente sem cessar. Não é possível entrar no mesmo rio duas vezes.


Podemos ilustrar o renascimento com um símile, é como se a chama de uma vela fosse empregada para acender uma outra vela e nesse processo a primeira vela fosse apagada. A chama da segunda vela surgiu na dependência da primeira vela, ou seja, tem uma conexão com ela, mas a chama da segunda vela não é idêntica à primeira. Então, as duas chamas possuem uma ligação mas não são idênticas.

3. De onde então vem o homem e para onde ele está indo?

Há três respostas possíveis para esta questão. Aqueles que acreditam na existência de um Deus, em geral, postulam que antes da criação de um ser ele não existe, ele passa a existir pela vontade do Deus criador. De acordo com o seu modo de vida, o seu destino será o paraíso ou o inferno eternos. Há outros, humanistas e cientistas, que postulam que um ser surge através da concepção baseada em causas naturais, nasce, e depois de viver algum tempo, morre deixando de existir por completo.

O Budismo não adota nenhuma dessas explicações. A primeira dá origem a uma série de questões de ordem ética. É difícil explicar, se somos realmente criados por um Deus, porque tantos seres nascem com deformidades terríveis ou porque tantos fetos abortam por causas naturais ou são natimortos. Também parece um tanto injusto que alguém esteja destinado ao sofrimento eterno no inferno ou à felicidade eterna no paraíso tendo vivido apenas 60, 70 ou 80 anos. A segunda explicação é um pouco melhor do que a primeira e está mais baseada em evidências científicas, mas ainda assim deixa muitas questões sem resposta. Como é possível que um fenômeno tão incrível como a consciência possa se desenvolver do simples encontro entre o esperma e o óvulo? E agora que muitos fenômenos paranormais são reconhecidos como ramos da ciência, fenômenos como a telepatia são cada vez mais difíceis de se encaixar num modelo puramente materialista.

Para o Budismo, com a morte, a consciência com todas as suas tendências, preferências, habilidades e características que foram desenvolvidas e condicionadas nesta vida, se re-estabelece no zigoto. Dessa maneira, o ser cresce, nasce e desenvolve uma personalidade condicionada pelas características que foram trazidas da vida passada e pelo novo ambiente, além de outros fatores condicionantes como a hereditariedade, etc. Essa personalidade está sujeita a mudança e será modificada através do esforço consciente por fatores condicionantes tais como a educação, a influência dos pais e da sociedade, etc. Outra vez, com a morte, essa consciência irá se re-estabelecer num novo zigoto.


Esse processo de renascimento irá continuar até que as condições que o causarem persistam. Quando essas condições deixarem de existir, ao invés de renascer, a consciência alcançará um estado que é chamado nirvana, e esse é o objetivo último no Budismo.


4. Como a consciência migra de um corpo para outro?

Imagine as ondas de rádio. As ondas de rádio não são compostas de palavras ou notas musicais mas de energia em distintas freqüências que são transmitidas através do espaço e atraídas e capturadas por um receptor no qual se manifestam como palavras e música. Algo similar ocorre com a consciência. Ao morrer, a energia mental cruza o espaço e se une ao esperma e o óvulo para formar o novo ser. O zigoto e a consciência se desenvolvem através de uma relação de mútua dependência e influência.


5. Os seres humanos sempre renascem como seres humanos?

Não. De acordo com o Budismo há vários planos de existência nos quais ocorre o renascimento. Alguns seres renascem no paraíso celestial, alguns no inferno e assim por diante. O paraíso celestial ou o inferno não são propriamente lugares mas estados de existência onde a mente experimenta respectivamente principalmente prazer ou dor. A vida nesses planos no entanto é temporária e depois disso haverá um novo renascimento que poderá muito bem ocorrer entre os seres humanos. Então, a principal diferença entre o plano humano e os outros planos é a qualidade da experiência mental.


6. Qual o fator que decide onde um ser irá renascer?

O fator mais importante que condiciona o renascimento é karma. Karma quer dizer ação baseada na intenção e se refere ao conjunto de ações com a mente, corpo e linguagem que constituem no seu conjunto a bagagem que carregamos conosco.

Essas ações geram consequências que são os frutos do karma. Os frutos do karma influenciam tanto a nossa experiência do mundo como o processo de renascimento por ocasião da morte.

7. Mas o que exatamente é karma?

Karma é uma palavra em Sânscrito, (Kamma em Pali), que quer dizer ação baseada na intenção e essa intenção inclui volição, escolha e decisão, o ímpeto mental que conduz à ação. A intenção é aquilo que incita e dirige todas as ações humanas, ambas, criativas e destrutivas e por isso é a essência de karma. Intenção no contexto Budista tem um significado muito mais sutil do que o uso mais geral dessa palavra. Em geral tendemos a usá-la quando queremos proporcionar um elo de ligação entre o pensamento interno e as suas ações externas resultantes. Por exemplo, podemos dizer, "Eu não tinha intenção de fazer isso," "Eu não tinha intenção de dizer isso" ou "Ela fez isso de forma intencional. " Mas, de acordo com os ensinamentos Budistas, todas as ações e linguagem, todos os pensamentos, não importa quão fugazes sejam, e as respostas da mente a sensações recebidas através dos órgãos dos sentidos contêm elementos de intenção. Assim, a intenção é a escolha volitiva feita pela mente em relação aos objetos para os quais a atenção é dirigida; é o fator que conduz a mente a se inclinar ou a repelir os vários objetos da atenção, ou de prosseguir em uma certa direção; é o que guia ou governa como a mente responde aos estímulos; é a força que planeja e organiza os movimentos da mente e no final das contas é aquilo que determina os estados experimentados pela mente.

Karma opera no universo como uma cadeia contínua de causa e efeito. Essa cadeia não está só confinada à causação no sentido físico, mas também tem implicações éticas e morais. "Boas ações trazem bons resultados, más ações trazem maus resultados", é um dito comum. Nesse sentido karma é uma lei moral.

Os seres humanos estão constantemente emitindo energia física e mental em todas as direções. Na física aprendemos que não há perda de energia, ela só muda de forma. Essa é a chamada lei da conservação de energia. Do mesmo modo, a energia mental nunca é perdida. Ela é transformada. Portanto, karma é a lei da conservação da energia moral.


Através das ações com a mente, corpo e linguagem os seres estão emitindo energia para o universo, e em contrapartida, eles são afetados pelas influências que fluem na sua direção. Os seres portanto, enviam e recebem todas essas influências, encontrando- se num estado de interdependência.


O Karma não deve ser confundido com destino, fatalidade. Destino transmite a idéia de que a vida de alguém foi planejada de antemão por algum poder externo e que a pessoa não tem controle sobre o desenrolar dos eventos na sua vida.


Nesse sentido é importante observar que karma através dos seus frutos é um fator que influencia o futuro e não que determina o futuro, pois a cada momento os seres têm a oportunidade de agir no sentido de reforçar os frutos do karma ou de minimizá-los. Isso ocorre porque no Budismo karma não é visto de uma forma absolutamente linear. Há um processo linear em operação através do qual experimentamos no presente os frutos de ações passadas mas também há um processo sincrônico no qual o presente é influenciado pelo fruto das ações no presente. Dessa forma o Budismo reconhece que há um certo espaço para o exercício do livre arbítrio.


Qualquer ação desprovida de intenção não tem impacto na lei de karma. Por exemplo, um barranco desmoronando, uma pedra caindo de uma montanha, ou um galho morto caindo de uma árvore, não faz parte do escopo da lei de karma, mas de alguma outra lei da natureza.

Extraído do site www.acessoaoinsight .net

Exibições: 65

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Arco Íris-Núcleo de Integração e Cura Cósmica para adicionar comentários!

Entrar em Portal Arco Íris-Núcleo de Integração e Cura Cósmica

"Permaneçam unos com a vossa Essência Espiritual. Somente Ela, poderá mostrar-lhes os novos rumos a serem seguidos por cada um!"

                     

"Que a eterna luz do sol te ilumine, que todo o amor te envolva, e a luz verdadeira, no teu interior, guie o teu caminho para casa."Bênção Sufi

 

 Possa o bodhichitta, precioso e sublime, surgir onde ainda não está; E onde surgir que não decline, mas cresça e floresça cada vez mais para o benefício de todos os seres sencientes.

Padma Bhavam significa Morada do Lótus. O lótus é uma flor que cresce da escuridão do lodo abrindo sua flores somente após ter-se erguido além da superfície. Se o impulso para a luz não estivesse adormecido na semente profundamente escondida na escuridão da terra, o lótus não poderia se voltar em direção à luz. Da mesma forma, cada um de nós carrega dentro de si esse impulso para a vida e para a autorealização.

 

NAMO KUAN-SHIH-YIN PU-SA A PRONÚNCIA NAMÓ GUAN-CHEER-IIN PUSSÁ O SIGNIFICADO Eu Chamo pela Bodisatva Kuan Yin, Aquela que vê e ouve o sofrimento do Mundo.

 

CONFRATERNIZANDO A nossa proposta é integração e união. Por isso sugerimos aos integrantes deste Portal que passem pelos perfis dos membros recém chegados, para dar boas vindas, trocar mensagens e convidá-los para uma relação de amizade. Parabenize os aniversariantes... Ingressem nos Grupos e participem!!! Nos Grupos encontramos muitas pérolas postadas em forma de mensagens, apostilas ... que colaboram para o engrandecimento de nossas almas, aprimoramento e crescimento do nosso ser. Gratidão! Fatima dos Anjos

http://www.twitter.com/portalarcoiris  

 

 



“O corpo conhece o tato; a língua, o paladar; o nariz, aromas; os ouvidos, sons; os olhos, formas; mas os homens que não conhecem o profundo Si Mesmo não captam esse supremo.” Mahabharata

"Duvidem de tudo. Encontrem sua própria luz". (Siddharta Gautama) 

"Não crie sofrimento Pratique virtude Seja senhor de sua mente (Bhuda)

 


"Faça uma nova fôrma para você com o poder da sua vontade. Aqueles que se superaram, vivem em paz, tanto no calor quanto no frio, no prazer quanto na dor, no elogio como na crítica. Para eles, um punhado de terra, uma pedra e ouro, são o mesmo. São imparciais e por isso se elevam a grandes alturas" Krishna

 

 


PAI NOSSO...

Que estás em toda harmonia do universo.

Santificado seja sempre o teu santo e sagrado nome.

Venha a nós o teu reino...

E que se cumpram as tuas leis, na terra e no espaço.

E em todos os mundos habitados...

Dá-nos hoje, o pão do corpo e o pão da alma.

Concede-nos a benção da saúde,do trabalho.

Perdoa as nossa ofensas.Assim como nós devemos amar e perdoar, a quem nos tem ofendido...

E não nos deixes sucumbir ás tentações.

E inspira-nos a combater o mal.Enviando-nos um raio da tua LUZ para nos orientar e guiar.

No caminho que a TI conduz.

Pois TU és o Poder e a Glória...

Amém!



INVOCAMOS AS ENERGIAS DO GRANDE SOL CENTRAL
A GRANDE FONTE ILUMINADORA DO AMOR

INVOCAMOS AOS ELOHINS…OS ANJOS QUE NOS ILUMINAM… E AOS QUATRO PILARES DOS FILHOS DA LUZ …
SANAT KUMARA, METATRON, MIGUEL E MELCHIZEDEK

INVOCAMOS AOS SERES DAS ESTRELAS QUE COM ASHTAR,
ELEVAM E APOIAM NOSSOS ESFORÇOS

INVOCAMOS A SHAMBALLA E AOS MESTRES ASCENSIONADOS
QUE GUIAM E NUTREM ESTE ENCONTRO DE ALMAS,
SERES DAS ESTRELAS E MESTRES ENCARNADOS
A DEDICAR SUA INTENÇÃO PARA ELEVAR A TODA VIDA PELO AMOR

INVOCAMOS A MÃE MARIA, KUAN YIN E A MADALENA
PARA ENCHER NOSSOS CORAÇÕES COM HUMILDADE E COMPAIXÃO

INVOCAMOS A NOSSA MAGNA PRESENÇA EU SOU A TRAZER NOSSOS DONS, VISÃO E OFERTAS EM
UMA UNIDADE DE PROPOSITO CENTRADA NO CORAÇÃO PARA CRIAR CLARIDADE
,DIREÇÃO DIVINA E AMOR MANIFESTADO,

EU SOU O QUE SOU
UM SER DE LUZ CONECTADO A LUZ!

A FORÇA DE VONTADE – A ALAVANCA QUE MOVE NOSSA VIDA Cada consciência que reencarna no plano terrestre tem como propósito primordial buscar sua evolução espiritual, aprendendo com as lições que a vida lhe traz. Apesar do esquecimento temporário que passa quando para aqui vem, internamente traz consigo um sentimento de que algo tem a fazer.
Passam-se os anos na vida terrena e isso pode variar de indivíduo para indivíduo, que o sentimento se torna mais forte, até que em determinado momento à ânsia de saciar o espírito fala mais alto e intuitivamente sente que a necessidade da busca a respostas para certas indagações lhe trará a tranqüilidade interna que tanto necessita.

A vida, no entanto é uma escola, cheia de obstáculos e desafios que incentivam o desenvolvimento das potencialidades, que auxiliam o ser na busca do crescimento espiritual.

Uma dessas potencialidades é à força de vontade, a alavanca que põe em movimento nossas ações, gerando atitudes que permitem que aquele que deseja seguir adiante, com o propósito de buscar conhecimento, possa ultrapassar todas as barreiras que por ventura encontrar pela frente.

Há consciências, que por lhes faltar a força de vontade não conseguem caminhar por muito tempo nesta busca, preferindo deixar mais para frente, adiando assim, o que realmente vieram aqui fazer, continuando a sua vida material, sem compreender que nem só de pão vive o homem, pois o homem é matéria e espírito.

Porém, o sentimento foi apenas abafado, pois chega um momento que a insatisfação fala mais alto. O que se buscou no mundo das ilusões não trouxe o alimento necessário para o espírito, pois a personalidade egóica não estava sintonizada com o propósito da alma.

A busca do ser recomeça. Bate-se em porta em porta buscando conhecimento, buscando a paz. Nesta caminhada adquire experiências e através do conhecimento passa a compreender que a tranqüilidade se alcança quando os sentimentos, os pensamentos e as atitudes são alimentados pela energia do amor. Quando já se consegue discernir o certo do errado, do que lhe traz a paz e o que lhe causa dor, escolhendo assim, o que prefere se alimentar.

No entanto, para todo aquele que se coloca como peregrino a caminho da Luz, encontra muitos obstáculos, pois a porta é estreita e poucos são os que perseveram por faltar à força de vontade.

O contato com o ser interior, a fé e a confiança que está no caminho correto, que sabe o que quer e para onde deseja seguir é que fará com que a força de vontade, esta força que impulsiona o ser seguir adiante, o auxilie a conquistar o objetivo. Nada se conquista sem o uso dessa força e perseverar no que se acredita ser o melhor é o caminho para conquistar um troféu. O troféu da satisfação de ter alcançado sua meta.

APARECIDA

"Quanto maiores somos em humildade, tanto mais próximos estamos da grandeza." Tagore

"O reino de Deus está dentro de vós". (Jesus)

“Toda vez que a Justiça Divina nos procura no endereço exato para execução das sentenças que lavramos contra nós próprios, segundo as leis de causa e efeito, se nos encontra em serviço ao próximo, manda a Divina Misericórdia que a execução seja suspensa, por tempo indeterminado.” (Emmanuel / Chico Xavier - Perante Jesus cap. 4 - Remuneração Espiritual)

Salmo 23
1. O SENHOR é o meu pastor; nada me faltará.
2 Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranquilas.
3. Refrigera a minha alma guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome.
4. Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo a tua vara e o teu cajado me consolam.
5. Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda.
6. Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida, e habitarei na casa do Senhor por longos dias.

Saber viver, por Cora Coralina

Não sei... Se a vida é curta Ou longa demais pra nós, 

Mas sei que nada do que vivemos Tem sentido,

se não tocamos o coração das pessoas. Muitas vezes basta ser:  

Colo que acolhe,  

Braço que envolve,  

Palavra que conforta,  

Silêncio que respeita,  

Alegria que contagia,  

Lágrima que corre,  

Olhar que acaricia,  

Desejo que sacia,  

Amor que promove.  

 

E isso não é coisa de outro mundo, É o que dá sentido à vida.

 É o que faz com que ela Não seja nem curta, Nem longa demais,

Mas que seja intensa, Verdadeira, pura... Enquanto durar.


A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.
Charles Chaplin


"...Só aqueles que compreenderam que devem procurar o infinito, o ilimitado, o que está além do tempo e do espaço, se sentem vivos, porque a vida verdadeira é a imensidão, a eternidade. Nunca vos refugieis naquilo que é acessível, limitado: abarcai o infinito e a vossa alegria também será infinita. Será a felicidade, a luz, a força, o dilatar de todo o vosso ser."

Omraam Mikhaël Aïvanhov

 

 

 RIOS DE ÁGUA VIVA FLUEM DE VOCÊ

Você é o ponto do Universo pelo qual fluem “rios de água-viva”. Neste “ponto”, é sempre agora! Aquiete-se! Anule conscientemente a crença no tempo: você é um ser deste agora, sem passado e sem futuro!
Deus é Tudo! Onde Deus está, é exatamente onde VOCÊ está! Constate esta Verdade! Dê consciente testemunho dela! Rios de Água Viva fluem a partir de VOCÊ! Esta Substância, na verdade, é VOCÊ! É Deus, em Auto-suprimento perfeito, sendo VOCÊ!
Dárcio Dezolt

 

 PODEROSA ORAÇÃO EU SOU Fique tranqüila e saiba que Eu Sou Deus! Eu Sou Deus vivendo neste corpo como ( diga o seu nome). Eu Sou Deus totalmente livre vivendo neste corpo como ( diga o seu nome) Eu Sou a Poderosa Presença do EU SOU Eu Sou o mestre ascensionado ( diga o seu nome) Em nome da Amada Presença de Deus, o qual Eu Sou! Pelo poder de Deus, o qual Eu Sou. A poderosa Presença do Eu Sou é o meu verdadeiro eu! Eu Sou a Ressurreição e a Vida. Eu Sou a Verdade, o Caminho e a Vida. Eu Sou a encarnação do Amor Divino. Eu Sou a porta aberta que nenhum homem pode fechar. Eu Sou Deus em Ação. Eu Sou o cetro de domínio, a Chama que nunca se apaga, A Luz deslumbrante e a Perfeição Divina manifestada. Eu Sou a revelação de Deus. Eu Sou o batismo do Espírito Santo. Eu Sou o ser ascensionado que desejo ser agora. Eu Sou a realização de Deus. Eu Sou uma porta aberta a toda revelação. Eu Sou a Luz que ilumina todos os lugares no qual eu entro. Eu Sou a Presença de Deus em ação hoje. Eu Sou Aquele que Sou. Eu Sou a libertação eterna de toda imperfeição humana. Eu Sou a Presença que preenche o meu mundo com Perfeição neste dia. Eu Sou um corpo invencível de Luz. Eu Sou a Luz que ilumina todo ser humano que vem ao mundo. Eu Sou a Vitória na Luz.

 

 

 

EU SOU VOCÊ..... Não sou um sábio pensador, Porque SOU A SABEDORIA. Não Sou aquele que tráz para todos o Amor. porque Sou o Próprio Amor Não sou aquele que tráz a Vida porque Sou a própria Vida Não venho trazer a Verdade, porque em todas Verdades Eu Estou! Eu tenho todas as coisas e todas as coisas me contêm Eu Sou o único caminho para todos, você é único caminho para você,
Pois,sempre estive em você e você não sabia.
Eu Sou a tua Luz
e você é a Luz Viva que Eu sou.
Eu Sou o Pai e Sou o Filho,
Eu Sou um e Sou todos.
Eu Sou o Alfa e o Ómega
Eu Sou o Principio e o Fim.

Se tudo assim não fosse,
Eu não poderia dizer;
Eu Sou Você,
Assim como você sou Eu!!!!!!

ERGOM........

Paz ,Luz e Equilibrio...Namaste

 EU SOU EU SOU Aquele que te faz sonhar... EU SOU Aquele que te faz amar...... EU SOU a LUZ de tua Alma...... EU SOU a FÉ em teu coração...... EU SOU a ALEGRIA em teu ser...... EU SOU a VIDA que te sustenta.... EU SOU a FORÇA que jamais te deixará.... EU SOU Aquele a quem contastes... tuas alegrias e tristezas... EU SOU a ENERGIA que te impulsiona,... passo a passo, rumo a tua eterna... realização e vitória....
EU SOU...
A LUZ...
A FORÇA...
O AMOR...
A SABEDORIA...

EU SOU Aquele que há tanto tempo procuras....

Agora que Me encontrastes...
Dentro de ti, contigo e através de ti...
brilharei, confirmando a todos que tiverem...
olhos para ver a LUZ que um dia foi prometida...
e que em vão procuraram em templos de pedras...
em palavras que ficaram no esquecimento,...
bem como nos livros....

EU SOU a Poderosa ENERGIA...
que a todos e a tudo sustenta....

Em nome do AMOR decreto:...
VIDA, LUZ, AMOR E LIBERDADE...
em ti e em teu mundo...
Agora e Sempre!...

Eu, SOL, que em teu peito brilha...
EU SOU....

Trecho do Livro: "Mensagens dos Mestres - De Coração a Coração" M. Stella Lecocq

APELO

"Em nome de EU SOU O QUE EU SOU,
eu convido minha Presença EU SOU, esta parte de Deus em mim,
para estar comigo ao longo deste dia.
Eu peço, a minha Presença EU SOU,
para assumir o controle imediato de todas as minhas ações,
feitos, palavras, sentimentos e pensamentos.
Eu peço, minha poderosa Presença EU SOU
para agir através de mim ao longo deste dia,
para gerir minha vida.
Amém”.

 

A QUEBRA CONSCIENTE DE VOTO

Diga em voz alta:

Neste momento, estou quebrando todos os votos que fiz para viver a ilusão da inconsciência. Como portador da Luz de minha linhagem genética, quebro esses votos em meu nome e em nome de todos os meus ancestrais. Revogo e anulo esses votos destituindo-os de valor para esta encarnação e para todas as outras através do tempo e do espaço, das realidades paralelas, dos universos paralelos, das realidades alternativas, dos universos alternativos, de todos os sistemas planetários, de todos os sistemas de Origem, de todas as dimensões e do Vácuo.

Peço para ser libertado de todos os cristais, mecanismos, formas de pensamento, emoções, matrizes, disfarces, memórias celulares, idéias acerca da realidade, limitações genéticas, bem como da morte.

AGORA!

Segundo a Lei da Graça e pelo Decreto da Vitória! Pelo Decreto da Vitória! Pelo Decreto da Vitória! Conforme a vontade do Espírito, peço para Despertar!

Conforme a vontade do Espírito, estou Desperto!

No princípio, EU SOU O QUE SOU!


Compreendendo o processo dos Apelos
A verdade existe; ela se manifesta em todos os planos, quando uma pessoa está em condições de captá-la dos planos e esferas nos quais os Seres Divinos atuam em determinada época para distribuí-la amplamente sobre a terra e seus habitantes.
A eficiência dos apelos depende da proporção de sentimento e convicção que através deles são liberados, como também depende da nitidez das imagens que se imprimem na mente. Isto, realmente representa o modelo através do qual se dissolve a energia física.``
SAINT GERMAIN
O Sétimo Raio

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Oremos sempre que puder em prol do nosso querido planeta para todas as entidades possam juntas emanar sua energia maravilhosa para cura deste planeta e de seus filhos!!!

Lokah Samastah Sukhino Bhavanthu

"Que todos os seres sejam felizes"


 

 

 

 

© 2020   Criado por Fatima dos Anjos.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço